Os primeiros banhos do bebê

By Dayane Dos Anjos | Primeiros dias

O banho é um momento para relaxar e que os bebês amam, mas nem sempre é assim, nos primeiros dias o banho do bebê pode ser meio agitado e de muito “chororô“, não que eles não gostem, mas porque podem se sentir um pouco inseguros.

O recém-nascido está acostumado com um ambiente bem apertadinho e quentinho que tinha na barriga da mãe, a hora do banho pode ser um momento um tanto instável para eles, porque eles gostam de se sentir protegidos, estáveis, como se estivesse dentro de um abraço. 🙂

Nesse texto quero passar algumas dicas de como a hora do banho pode ser um momento gostoso e relaxante para os papais e seus recém-nascidos:

  1. Ambiente: Escolha um lugar para o banho. Pode ser no banheiro mesmo ou no quartinho, onde você preferir. Apenas certifique-se que você terá espaço para dar o banho, secar e vestir o bebê.
  2. Temperatura: Certifique-se que o ambiente está quentinho. Se estiver no inverno ou se sua cidade for fria, você pode usar um aquecedor com temperatura de aproximadamente 24 °C. Quando o ambiente estiver adequado, desligue o aparelho.
  3. Tudo ao alcance das mãos: Deixe tudo preparado e próximo a você: shampoo, sabonete, toalha, roupinhas, roupinhas extras para casos de vazamentos acidentais rs. Enfim, absolutamente tudo ao seu alcance.
  4. Banheira: Prepare a água antes de trazer o bebê. Deixe-a morna, não quente, com temperatura por volta de 37 °C. Mexa bem para ter certeza que a temperatura é a mesma por toda a banheira.
  5. Bebê sempre acompanhado: Independente do que aconteça, nunca deixe o bebê sozinho, seja em cima do trocador, na banheira ou na cama, mesmo que você tenha certeza que ele ainda não se vire. Seja recém-nascido ou bebês maiores, acidentes acontecem e a prevenção é o nosso melhor aliado. 🙂
  6. Produtos de higiene: Nos primeiros dias aconselho usar aqueles sabonetes “da cabeça aos pés”, é mais fácil porque lava todo o corpinho e você não precisa ficar trocando de produto enquanto se contorce para segurar o bebê dentro da banheira rs . A prática vem depois de alguns banhos. 🙂 Além do que, não é necessário mais que algumas gotinhas do produto para lavar aquele corpinho fofinho.
  7. Umbigo: Por mais que pareça, o coto umbilical não dói, então não precisa ter receio de limpar. A limpeza no banho é a mesma do restante do corpinho, com água e sabonete neutro. Depois pode ser seco levemente com a toalha, mas certifique-se que estão bem sequinhos (o coto e a pele em volta). Depois, com a ajuda de um cotonete umedecido no álcool a 70%, passe bem em volta e na base do coto para finalizar a limpeza.
  8. Duração: O banho do recém-nascido pode ser bem rapidinho, é apenas para limpá-lo. Logo ele vai crescer e não irá querer mais sair do banho.
  9. Frequência: Não é necessário dar banho todos os dias nos recém-nascidos, porque eles são limpinhos, não entram em contato com tanta sujeira nos primeiros meses de vida. Mas claro que o banho é relaxante e ajuda os bebês a dormirem melhor com certeza.
  10. Facilitadores: Cuide para que a banheira fique em uma altura que não machuque suas costas. As banheiras com suporte são boas pela altura, e ainda, algumas vêm com o trocador. Então basta fechar a tampa e você já pode enxugar e vestir o bebê ali mesmo. Existem umas redinhas para acoplar na banheira, eu acho que ajuda muito, porque você tem um apoio a mais para o bebê, assim ele não desliza tanto é mais confortável para os dois.
  11. Técnica: Nos primeiros dias o bebê é bastante sensível e não têm muitas reservas de calor, então, sentem frio com mais facilidade, além de se sentirem inseguros quando estão peladinhos e mexemos muito neles. Uma boa técnica é lavar a cabecinha e o rostinho antes de coloca-los dentro da banheira. E para o corpinho, sem roupa e sem fralda, enrola-lo em uma fralda de pano grande para colocá-lo dentro da banheira. Assim ele se sente protegido e a mudança de ambiente é mais suave, além de mantê-lo numa temperatura agradável.
  12. Secagem: Enxugue seu bebê suavemente com uma toalha macia, cuidando para que cada dobrinha fique bem sequinha. Os recém-nascidos perdem calor rápido, então tente ser rápido para que ele não fique com frio.
  13. Finalização: Coloque a roupinha, a fraldinha, e penteie o cabelinho (se já o tiver). Pronto! Seu bebê está limpinho, cheiroso e ainda mais gostoso, se é que isso é possível. 🙂

No vídeo a seguir eu mostro essa técnica de como dar os primeiros banhos do bebê, da maneira que ele se sinta mais confortável e não chore tanto nessa hora que é para ser tão gostosa. Vem conferir! 🙂

Dayane Dos Anjos

Dayane Dos Anjos

Sou mãe, fotógrafa especializada em Gestantes e Newborn, Consultora em Amamentação e apaixonada pelos primeiros dias de vida do bebê.